Carregando...

Biografia

Quando se está nas mãos de Deus, 33 anos de carreira é apenas o começo...

Desde os 05 anos de idade Lauriete já cantava na igreja e em eventos da escola onde estudava. De origem muito simples, ela e seu irmão mais velho, Levy, começaram a trabalhar muito cedo para ajudar no sustento da casa. Lauriete, com apenas oito anos de idade saía de casa todos os dias, depois da escola, em direção a um dos terminais de ônibus na grande Vitoria para vender balas, uma tarefa que ela se orgulha ao lembrar:

Aprendi bem cedo a trabalhar e agradeço a Deus por isso. O trabalho dignifica o homem…

Nascida em lar cristão, aprendeu com a mãe, Dona Laurinete, a cantar alguns corinhos na igreja, mas como sempre gostou de desafios, mesmo ainda sem saber ler, queria cantar canções que fossem verdadeiras poesias, musicas com varias estrofes.

Além de cantar, ainda bem pequena tocava o seu violão por onde passava.Cantava e encantava a todos. Lauriete, com sua voz aguda, alcançava tons que era quase inacreditável, sem dizer da autoridade que tinha pra cantar mesmo com pouca idade. Sempre se destacou como uma criança inteligente e muito dedicada no que fazia. Como uma boa aluna e com um grande interesse pelo esporte, Lauriete foi treinada por uma professora de ginástica rítmica na escola onde estudava e em suas horas vagas. Seu pai, Joaquim, não concordava nunca com a idéia de que sua filha pudesse ser uma ginasta.

Durante 05 anos ela viajava para se apresentar e competir com outras ginastas, conquistando vitórias, troféus e muitas medalhas para sua escola a qual ela representava. Mais tarde surge um convite para que Lauriete fosse se apresentar em outro país, com todas as despesas pagas. Seu pai, sem titubear, já que não queria mesmo que ela seguisse carreira, disse NÃO. Lauriete gostava de cantar, mas não queria ser uma cantora para ficar viajando, se apresentando em eventos, apesar dos vários convites que já havia recebido para gravar, mas para ela, cantar na igreja onde ela frequentava já era o suficiente.

Naquele mesmo ano, 1981, no mês de agosto, a igreja Assembleia de Deus em Santo Antonio, Vitoria, onde Lauriete e sua família congregavam, partiu com 03 ônibus, numa excursão para uma região serrana daquele Estado. Ao retornarem à capital capixaba, um dos ônibus caiu em um precipício de aproximadamente 150 m de altura, morrendo então 12 pessoas e muitos feridos e entre os feridos estavam Lauriete e seus pais. Seu pai, o mais machucado entre os sobreviventes, andou 02 anos de muletas e a vida daquela família simples ainda ficou mais difícil.

Alguns meses após aquele acidente, uma senhora do RJ, que estava visitando a igreja em Vitoria, viu Lauriete cantar. Ela então se aproximou, e sem saber que aquela menina estava no acidente, disse::

Mocinha, Deus te livrou da morte porque ele tem algo tremendamente especial para a tua vida e isso vai acontecer daqui a um ano.

Deus falava com Lauriete pela primeira vez a respeito do seu ministério. Em 1982, a promessa de Deus na vida de Lauriete começou a se cumprir. Gravou o seu 1º disco, sendo abençoada e abençoando a muitos. Hoje, com 29 CDs gravados, 04 DVDs e algumas premiações como discos de ouro e platina, Lauriete não se envaidece e diz:

Essas premiações aconteceram por causa da venda dos meus CDs, mas não canto só pra isso, pra vender, canto pra Deus, reconhecendo que Ele me fez para o seu louvor, então o meu melhor sempre vai ser pra Ele

Com um ministério ímpar, Lauriete comemora seus 33 anos de carreira e continua a mesma, dedicada, inspirada, mulher de Deus e uma grande levita do Senhor Jesus. Mãe de Julia Acsa, ela acredita que a filha possa seguir seus passos no ministério do louvor:

Não vou forçá-la nunca. Julia gosta muito de cantar, é super afinada, mas os caminhos dela são e serão sempre dirigidos por Deus. Cada ser humano tem que ter a sua experiência com Ele. Quero muito que ela seja uma levita na casa do Senhor, mas tem que partir do coração dela. Deus sabe o que faz.

Lauriete é capixaba, continua morando em Vila Velha – ES, e é membro da Assembleia de Deus em Ibes na mesma cidade.

Minha vida é feita de grandes desafios e grandes vitórias; afinal, eu tenho um Deus que é muito grande

lau